Campanha de Recolha de Leite e Cereais para Campo de Férias Verão 2017

No âmbito do Campo de Férias de Verão 2017, que pretende dar resposta a mais de 50 crianças/jovens da comunidade proporcionando-lhes novas experiências e uma consistente ocupação dos tempos livres, a ARAL está a efetuar uma Campanha de Recolha de Leite e Cereais.

O pequeno almoço é uma refeição fundamental e nos nossos campos de férias ganha ainda maior importância pois queremos participantes bem dispostos e cheios de energia para enfrentar as atividades de cada dia. Ao contribuir para esta causa está a ajudar a que estas crianças/jovens tenham dias ainda melhores e mais equilibrados.

Não temos preferência por marcas, basta que sejam pacotes de 1litro de leite meio gordo e cereais de mel ou chocolate, ambos com prazo de validade que chegue a 13 de Agosto.

Ajude-nos nesta causa e lembre-se tudo o que damos ao mundo retorna e ressoa!

Campanha recolha Pacotes de Leite

 

Associações lançam Plataforma em defesa da EB2+3 Alto do Lumiar

A criação da Plataforma é uma iniciativa conjunta da Associação de Pais e Encarregados de Educação do Agrupamento de Escolas do Alto do Lumiar e Associação de Residentes do Alto do Lumiar

Plataforma pela Escola 2+3 do Alto do Lumiar

Exma Senhora Presidente da Assembleia da República

Exmo Senhor Ministro da Educação e Ciência.

Nos últimos tempos, a deterioração progressiva do parque escolar da Escola 2+3 do Alto do Lumiar tem criado muita apreensão em toda a comunidade (pais, crianças, professores, funcionários, moradores e instituições locais), dado que as condições de funcionamento das aulas não garantem a segurança mínima exigida num estabelecimento de ensino. As crianças, aproximadamente 553 alunos que frequentam a  ESCOLA 2+3 do ALTO DO LUMIAR, enfrentam todos os dias situações que, além de perigosas, não dignificam a comunidade nem a sociedade em geral. De destacar:

  1. Janelas partidas e telhados danificados, chovendo dentro das salas de aula;
  2. Pavimento degradado com tacos de madeira soltos;
  3. Quadros de “ardósia” encostados à parede por falta de parafusos, constituindo um perigo para os estudantes;
  4. Sistema eléctrico inteiramente degradado (fios descarnados, candeeiros suspensos por fios, infiltrações no sistema), representando um elevado perigo para as crianças e jovens que frequentam a Escola;

Salienta-se ainda a inexistência de um espaço fechado para a prática desportiva (ginásio ou pavilhão) o que obriga os alunos a frequentarem aulas em recinto escolar descoberto, quaisquer que sejam as condições meteorológicas (salienta-se, mesmo em condições meteorológicas adversas). Também a impossibilidade de abertura da Unidade de Multideficiência (sala UAM) de 2ºCiclo obriga a que os alunos portadores de deficiência tenham de deslocar-se para a na EB1/JI Padre José Manuel Rocha e Melo (ex.EB1 nº34), em função das condições de acessibilidade.

Ainda que pareça dispensável, por tudo o que já ficou exposto, trazer à colação a influência negativa da deterioração das estruturas físicas na efectiva realização de novas dinâmicas de ensinar e aprender, ela é uma triste realidade, cuja reversão da situação não pode permanecer apenas um objectivo desejável. Assim, exorta-se V. Exas que sejam agentes activos desta mudança.

Importa ainda destacar que a ESCOLA 2+3 do ALTO DO LUMIAR não dispõe de qualquer tipo de auditório, e que a sua construção da Escola serviria não só a comunidade educativa como seria de grande mais-valia para toda a população da Freguesia. A inexistência de um auditório contraria a lógica de acção da Escola contemporânea, que se quer mais aberta à comunidade e ao desenvolvimento de novas valências internas.

Tudo isto consubstancia um cenário de grande preocupação, que nega às crianças e jovens as condições de aprendizagem e formação a que têm direito numa sociedade democrática e que lhes devem ser garantidas pela escola pública, nos termos da Constituição da República.

Tendo em consideração a existência de 350 milhões de euros para reequipamento escolar, à reabilitação e requalificação de cerca de 130 escolas, vimos por este meio exortar V. Exas para a necessidade que a ESCOLA 2+3 do ALTO DO LUMIAR, seja objecto de uma intervenção, com a maior urgência, a fim de que os alunos e restantes intervenientes tenham condições para aprenderem, ensinarem e prestarem os serviços necessários, segundo a função de cada um

Concurso de Talentos na Escola 2+3 Alto do Lumiar

Realizou-se hoje o Concurso de Talentos da Escola 2+3 do Alto do Lumiar, uma iniciativa diferente que deu oportunidade aos alunos de se reunirem em grupos ou sozinhos e mostrarem as suas competências artísticas.

O Júri contou com a presença de convidados com experiência nas áreas da música e dança, nomeadamente o Fausto e o E-Boy (bailarinos) e o Pedro (baixista do AGIR) e ainda com o Agente Jesus da Escola Segura e a Prof. Maria Caldeira em representação do Agrupamento

A ARAL esteve mais uma vez presente no evento e ajudou à organização e logística, é sempre um prazer assistir a estes eventos e assitir a jovens tão talentosos que mostram o seu ritmo a cada segundo em que estão no palco.

Esta foi uma iniciativa muito importante para os alunos, sendo a forma perfeita de terminar mais um ano letivo. Ganhar ou perder foi irrelevante, o importante foi cada um mostrar à comunidade escolar o seu talento.

DSC_0399 DSC_0401 DSC_0404 DSC_0416 DSC_0425 DSC_0427 DSC_0442 DSC_0464 DSC_0470

Urban Market Alta de Lisboa: Assim foi na Quinta das Conchas

Realizou-se no passado sábado, dia 25 de Outubro, o primeiro Urban Market Alta de Lisboa itinerante, na Quinta das Conchas.

Com o maravilhoso dia de sol que se fez sentir a Quinta das Conchas estava repleta de visitantes e a sua grande maioria, com um ar de surpresa e contentamento, aproveitou para visitar o nosso mercado.

Com um aspeto bastante informal se distribuíram as diversas bancas, podendo os visitantes encontrar desde compotas e bolachinhas artesanais a roupa e brinquedos em segunda mão e muitas peças de artesanato e decoração. Também o Refood do Lumiar esteve representado na tentativa de angariar novos voluntários para ajudar ao cumprimento da sua missão, e assim o conseguiu!

DSC_0208

DSC_0198

DSC_0159

DSC_0166

DSC_0178

DSC_0138

No mês de Novembro prometemos voltar à Quinta das Conchas, já no dia 8, e dia 22 estaremos no Parque Oeste. Teremos ainda uma edição especial de Halloween no dia 1 de Novembro no Mercado do Lumiar!

Programa de Férias na Alta de Lisboa

verao2013-01

Já só faltam duas semanas para terminarem as aulas para os alunos do 1º ciclo e depois de um ano repleto de aprendizagens é uma pena estagnar… por esta razão  desenvolvemos programas de férias a partir de dia 17 de Julho com atividades atrativas que estimulam o desenvolvimento de competências nas crianças.

Ficar em casa o dia todo em frente da televisão ou a jogar videojogos é, certamente, aliciante para as crianças, mas pais conscientes sabem que de nenhuma forma este tipo de atividades realizadas de forma continuada contribuem para um crescimento equilibrado. Fazer novos amigos, ter novas experiências, participar em atividades de grupo, explorar uma nova zona… estas sim são atividades que possibilitam crianças crescerem em harmonia e adaptadas ao quotidiano!

O programa de férias da Alta de Lisboa oferece tudo isto e muito mais… informe-se e perceberá a excelente oferta que temos para os seus filhos a preços também adaptados à crise em que vivemos!

 

Rugby Alta de Lisboa: O rescaldo deste fim-de-semana

No passado sábado, dia 2 de Fevereiro, as nossas equipas de Sub-8 e Sub-10, acompanhados de dois jogadores da equipa de Sub-12, deslocaram-se ao Estádio Universitário, para aí realizarem mais um convívio de apoio à nossa seleção nacional de rugby.
Aos nossos bravos atletas mais novos coube (Sub-8) a tarefa de defenderem as nossas cores em 4 jogos, e aos Sub-10 em três. Já os atletas de escalão Sub-12 jogaram inseridos na equipa da ADS (Samoquense), mostrando a nessa mesma equipa toda a sua qualidade.
Após o torneio, tiveram ainda a oportunidade de assistir ao jogo de Portugal contra a Roménia, tendo no final do encontro a oportunidade de conviver com alguns jogadores da seleção nacional de rugby.

Por sua vez no domingo, dia 3 de Fevereiro, coube aos atletas mais velhos de Sub-14 participar no Torneio Regional de Sevens, realizado no Complexo Desportivo do Alto do Lumiar, com a participação de duas equipas do CDUL, do Portalegre, da Escolinha de Rugby da Galiza e da Escolinha de Rugby de S. João da Talha.
Esta foi mais uma oportunidade de mostrarem a sua grande evolução na modalidade, o seu espirito de sacrifício e de luta, bem como toda a garra nos momentos mais adversos.
Um bem haja a todos eles e que continuem a evoluir e a divertirem-se a jogar rugby!

 

792147_10151409539337313_722002770_o

Na Alta de Lisboa

 

812783_10151409468297313_453792827_o

No Estádio Nacional

Veja mais fotografias em http://www.facebook.com/Alta.Rugby