Bairro de Letras: o projecto.

Desenvolver actividades culturais que proporcionem o bem-estar da população da Alta de Lisboa e que simultaneamente desenvolvam a união e os laços entre os seus residentes, é um dos objectivos da ARAL. Deste modo, nasceu o Bairro de Letras: um projecto de promoção da leitura e escrita que visa a desenvolvimento da literacia, criando momentos de lazer, conotando a Alta de Lisboa como um ponto cultural da cidade de Lisboa.

São objectivos do Bairro de Letras desenvolver no território uma biblioteca mundial e livre, o Bookcrossing, manter a comunidade actualizada face aos escritores e livros da actualidade,  realizar actividades diversas com base na literacia, criar actividades nas Escolas (Plantar Livros), criar Tertúlias sobre livros e temas actuais.

Se estiver interessado em participar neste projecto não hesite em contactar-nos ou visite-nos (Rua Luís Piçarra, Loja 6A,1750 Lisboa).

Bairro de Letras: Eugénio de Andrade

O Bairro de Letras relembra Eugénio de Andrade. Poeta e escritor português, nasceu em 1923 no Fundão. Em jovem abandonou os estudos de Filosofia para se dedicar à escrita. Foi autor de inúmeras obras poéticas tais como Escrita da Terra (1974), Sala da Língua (1995) e os Lugares do Lume (1998). A sua poesia foi descrita por José Saramago, como uma poesia do corpo a que se chega mediante uma depuração contínua. Quanto à prosa, foi autor de Sombra da Memória (1993), Rosto Precário (1979) e também obras infantis – História da Égua Branca (1977) e Aquela Nuvem e as Outras (1986).

Recebeu inúmeros prémios literários como o Prémio Europeu da Poesia (1996) ou Prémio Camões (2001).

Faleceu a 13 de Junho de 2005 no Porto.

Escola da Comunidade: Batuku e Funaná na Escola 91

Realizou-se hoje na Escola 91, para dar início ao 3º período, uma actividade diferente em colaboração com a Associação Sócio-cultural Cultursol.

De Cascais vieram cinco representantes desta Associação dar aos alunos das AEC e às crianças da CAF/JI  um pequeno workshop de “Batuku” e “Funaná”, dando a conhecer a tradição de Cabo Verde de forma bastante divertida e próxima.

Foi muito engraçado as crianças aprenderem os ritmos do batuku cabo verdiano, bem como a historia da dança tradicional deste país, o funaná, tendo ainda a oportunidade de a aprender e praticar.

Aprender a dançar Funaná

 

O Batuku

 

 O nosso muito obrigado a estes cinco jovens que nos proporcionaram uma tarde diferente e que, acima de tudo, nos ensinaram mais sobre Cabo Verde!

Os cinco representantes da Cultursol
 

Cartão de Residente: Alva Concept (parceiro do mês)

O Cartão de Residente da Alta de Lisboa já tem 13 parceiros dispostos a oferecer agradáveis descontos. Um destes parceiros é a Alva Concept, um espaço de saúde que inaugurou em Julho de 2006, situado na urbanização da Alta de Lisboa, na Avenida Sérgio Vieira de Melo sendo gerido pelo Dr. Amílcar Caleiro.

Na Alva Concept pode encontrar produtos naturais/homeopáticos, medicamentos não sujeitos a receita médica, material ortopédico, cremes e produtos para bebés. Possui também serviços de Depilação a laser, Consultas de Nutrição, Consultas de Osteopatia, Fisioterapia, Analises Clínicas e massagem Reiki.

Para mais informações pode consultar a página de Facebook da Alva Concept  www.facebook.com/pages/ALVAconcept.

Boas compras…

Bairro de Letras: Dia do Livro

Comemorou-se no dia 23 de Abril  (sábado)  o dia Mundial do Livro, neste seguimento a ARAL deixa a sugestão de um livro e relembra a importância da leitura.

Um Livro…

Relembramos o último livro de José Rodrigues dos Santos, Anjo Branco: uma história envolvente. Baseado em factos reais, esta obra literária aborda Moçambique, os portugueses e a guerra colonial, senod considerado um dos livros mais interessantes da actualidade.

É importante ler Livros…

Lê um Livro

Um livro
Não é só
Um monte de folhas
Com imagens e palavras.
É muito mais do que isso,
É descobrir a vida,
Sentir-se outra personagem.
Das palavras às ideias,
Das histórias à poesia,
De descoberta em descoberta
Vamos sorrindo à vida!
Por isso,
Não devemos deixar
Um livro abandonado,
Sem abrir, sem o ler,
Sem perceber
O que ele tem
Para nos oferecer!
 
 
                                       

Atendimento aos Imigrantes de novo na rua!

No próximo dia 16 de Abril (sábado) a JRS volta a estar na rua com o CLAII. E para quê?

Para apoiar os imigrantes no seu processo de legalização em Portugal de maneira mais adaptada aos horários e locais de quem trabalha durante a semana. Assim, uma vez por mês o CLAII sai à rua e este mês vai ser na Associação de Moradores da Quinta Grande (Quinta dos Cavalos, na Rua José Cardoso Pires), das 16h às 18h.

Cada pessoa tem de trazer os papéis do seu processo para se poder analisar e ver o que falta ou em que ponto está. Este serviço é gratuito! Se quiser mais informações acerca do CLAII pode contactar a Susana Figueirinha através de: susana.figueirinha@jrsportugal.pt

Há livros plantados na nossa escola…

No passado dia 8 de Abril a ARAL, através do seu novo projecto Bairro de Letras, realizou uma actividade na escola nº91.

Esta acção teve como mote “Há livros plantados na nossa escola…” e os seus objectivos eram comemorar o Dia Mundial do Livro Infantil, estimular a criança a tomar o gosto pelo livro e desenvolver o espírito de partilha. Assim foram espalhados, junto dos espaços verdes do recinto escolar, livros infantis e no decorrer do intervalo as crianças foram encontrando os respectivos livros. O entusiasmo foi grande e rapidamente começaram a ler e a partilhar com os colegas. Deste modo conseguimos um ambiente lúdico e de partilha neste espaço escolar e no final algumas crianças levaram livros para lerem durante as férias da Páscoa.